• Ana Melo Dias

Propósito de vida - afinal, como ter um?


Continuando nossa jornada sobre os quatro pilares de uma vida repleta de sentido, chegamos no segundo pilar, um dos mais falados da atualidade, propósito de vida. Apesar de muito se falar nele, ele continua sendo motivo de dúvidas e mistérios para muitas pessoas.

Propósito pode soar grandioso como acabar com a fome no mundo. No entanto, não precisa ser, as pessoas podem encontrar um propósito sendo um bom pai, em criar um bom ambiente de trabalho ou tornar a vida de um animal mais prazerosa.

O psicólogo William Damon defende que o propósito tem duas características importante:

1- O propósito é uma meta “estável e de longo alcance”, algo que a pessoa esteja sempre trabalhando, diferente de metas imediatas como lavar a louça ou ir à academia.

2- O propósito envolve uma contribuição ao mundo, ou seja, o desejo de fazer diferença no mundo, de contribuir com questões para além de si mesmo. Pode ser tanto em escala maior como ajudar na promoção de direitos humanos, quanto em escala menor, como ajudar a cuidar dos irmãos, por exemplo.

Os nativos de Okinawa, a ilha com maior número de pessoas centenárias do mundo, usam a palavra Ikigai, para explicar o que chamamos de propósito de vida, para eles Ikigai é a razão pela qual nos levantamos pela manhã. Para eles ter um Ikigai claro e definido, ou seja uma grande paixão, dá satisfação, felicidade e significado à vida.

O ponto mais importante, no entanto, segundo a maioria dos estudos sobre o assunto, é que para chegar em um propósito ou em seu Ikigai é preciso autoconhecimento. A identidade de uma pessoa é algo complexo e multifacetado, envolve quem a pessoa é, de onde vem, para onde vai e como se ajusta a sociedade e ao mundo.

A pessoa que tem compreensão de sua identidade consegue assim responder duas perguntas fundamentais para saber seu propósito de vida, desde o início da vida adulta: “que tipo de pessoa eu quero ser?” e mesmo ao fim da vida “Que tipo de pessoa eu fui e estou satisfeito com isso? ”.

Pesquisadores da Texas A&M University chegaram a conclusão que atualmente há poucas fontes de certezas que dão sentido ao mundo, se compararmos com tempos anteriores, por isso as pessoas precisam se voltar para dentro a fim de descobrir a melhor forma de viverem a vida. Conhecer quem se é de verdade é o primeiro passo para entender o seu propósito.

Segundo a psicóloga e escritora Emily Smith quem se conhece pode escolher um caminho alinhado aos seus valores e habilidades, ficando muito mais claro agir conforme seu propósito de vida:

"Quando as pessoas usam suas qualidades no trabalho encontram mais sentido no emprego e acabam se saindo melhor. E quando buscam metas coerentes com seus valores e interesses, se sentem mais satisfeitas e competentes."

Em resumo, propósito de vida não é algo misterioso, podemos resumir em 4 características finais:

1- É um objetivo de longo prazo que se alinha com seus valores e com sua identidade.

2- Onde você utiliza suas qualidades para impactar positivamente o seu exterior.

3- Esse propósito é a razão pela qual você se levanta de manhã.

4- Ao realizá-lo você terá a sensação de dever cumprido, onde suas habilidades foram bem aproveitadas.

Por fim, se você está em busca de ter clareza sobre o seu propósito é essencial se conhecer: descobrindo seus valores, seus objetivos e suas habilidades. Por último, você une isso com algo que você possa fazer não só para si, mas para outras pessoas. Quem sabe você não consiga inclusive viver do seu propósito de vida?

Como um empurrãozinho, comece respondendo uma pergunta: há algo que você adora fazer e que poderia ajudar mais alguém fazendo isso?

Por Ana Melo Dias

Psicóloga, Personal e Professional Coach

Coach de Propósito de Vida e Crise dos 30

Especialista em Psicologia Positiva

Quer falar mais sobre esse assunto? Entre em contato.

#propósitodevida #autoconhecimento #bemestar

0 visualização

Rio de Janeiro- RJ 

contato@anamelodias.com

Tel: (21) 99904-1339

  • White LinkedIn Icon
  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • whatsapp1600

© 2017 Copyright - Ana Dias. Todos os direitos reservados.